sexta-feira, 31 de agosto de 2012

A Arte da Tortura de Nobuyoshi Araki





Nobuyoshi Araki é um fotógrafo japonês polêmico, criativo e ousado. Suas obras, muitas vezes são consideradas chocantes e agressivas. Em 1988, a polícia bloqueou a venda da revista japonesa Shashin Jidai, por conter fotos indecentes de Araki. Araki também foi acusado de obscenidade durante uma exposição de 1992, sendo multado em 300 mil ienes. Isso foi seguido da prisão de um curador numa galeria de arte que exibiu suas fotos de nudez, em 1993.
Yoko por Nobuyoshi Araki

Nobuyoshi Araki nasceu em 1940 em Tóquio e entrou para a Chiba University em 1959, onde se especializou em fotografia e cinema. Depois de se formar em 1963, Araki trabalhou como fotógrafo de publicidade na Dentsu Inc., uma empresa de publicidade mais importante, onde conheceu e se casou com sua colega de trabalho Yoko em 1971. Após o casamento, ele publicou um livro de fotos de sua esposa tiradas durante sua lua de mel intitulado Sentimental Journey isso. Yoko morreu em 1990 devido a câncer de ovário. Fotos tiradas durante seus últimos dias estão incluídos no livro Winter Journey.
Araki trabalha principalmente em Tóquio, onde muitas vezes é visto andando pela cidade, constantemente tirando fotos. Araki explora os mais variados temas que existem dentro da cidade, tais como as conexões entre amor, sexo, indústria, natureza, caos e vazio. E já tem mais de 350 livros publicados.
A cantora islandesa Björk é admiradora do trabalho de Araki e já serviu como uma de suas modelos. Araki foi fotógrafo do encarte do CD de remixes dela de 1997, Telegram.



Nobuyoshi Araki fez um photoshot com o tema escravidão com Lady Gaga para a Vogue Hommes Japan, em 2009.



 
Em 2005 Travis Klose fez um documentário sobre a vida e arte de Nobuyoshi Araki intitulada Arakimentari.


Abaixo algumas de suas fotos combinam sexo e tortura, a maioria delas com lindas cenas de bondage:

























 Site do fotógrafo: http://www.arakinobuyoshi.com/


Texto e pesquisa: Gisele Ferran
@Gi_de_Gisele


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...