quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Catriona MacColl: A Musa de Lucio Fulci!


Nascida em Londres em Outubro de 1954, Catriona (Katherine) MacColl, assim como a grande Musa Barbara Steele, fez sua carreira no cinema e na TV européia e adquiriu status de Musa Cult em filmes de Terror e fantasia.
Catriona começou sua carreira como atriz na TV francesa no final dos anos 70. Em 1979, estrelou o longa "Lady Oscar" de Jacques Demy, drama histórico e romântico sobre uma heroína da Revolução Francesa que se fazia passar por homem e foi promovida a capitão da guarda do palácio de Versailles.








Com "Paura nella Città dei Morti Viventi" (Pavor na Cidade dos Zumbis, 1980) de Lucio Fulci, Catriona estreou como Scream Queen, no papel de Mary Woodhouse. Após uma seção espírita, aonde tem uma visão infernal sobre um padre amaldiçoado, Mary sofre um ataque cardíaco e é enterrada viva por engano. Salva pelo repórter Peter (Christopher George), parte com ele para a cidade de Dunwich, aonde tentam impedir o fim do mundo previsto em um antigo livro. Zumbis podrões, mortes horrendas, chuva de vermes, muito gore e os potentes gritos de Catriona fizeram (e fazem) a festa dos fãs de terror e a transformaram em uma atriz cult!.





"Fulci fez estes filmes onde, é claro, prevaleciam o sangue e os zumbis, mas também havia um tipo de poesia macabra."                                (Catriona em entrevista para a revista Fangoria em Fev.2013)


Catriona fez uma participação na aventura de espada & magia inglesa "Hawk the Slayer" (O Falcão Justiceiro, 1980) de Terry Marcel. Ela é Eliane, a esposa do herói Hawk (John Terry), assassinada pelo seu maléfico irmão Voltan (o sempre deliciosamente canastrão Jack Palance).




Em "...E Tu Vivrai nel Terrore! L'Adilà" (Terror nas Trevas, 1981) de Lucio Fulci, ela é Liza, que herda um antigo hotel na Louisiana. Eventos macabros e mortes sangrentas anunciam que o prédio fora construído sob uma das portas do inferno! Fulci abusa da narrativa não linear e constrói um filme totalmente visual, com cenas de horror extremo (efeitos especiais de maquiagem de Gianetto de Rossi) e também poesia, como disse Catriona. Lançado nos Estados Unidos como "The Beyond", é uma das obras mais cultuadas do mestre do Gore italiano...






"Quella Villa Accanto all Cimitero" (A Casa dos Mortos Vivos/A Casa do Cemitério, 1981) de Lucio Fulci, tem um casal (Catriona MacColl e Paolo Malco) que descobre os horrores de uma antiga casa no bosque quando seu filho pequeno abre as portas do porão...Um filme de casa-mal-assombra com segredos do passado e o horrendo morto-vivo Dr. Freundstein contado do ponto de vista do garoto.



"Lucio era tão extraordinário; eu nunca encontrei um diretor como ele antes ou depois. Ele era extremamente doce comigo, fora uma ou outra ocasião onde eu vi seu lado mais sádico..." 
                                                                             (idem)




Catriona se casou por esta época com, o já falecido ator John Finch e passou então a se dedicar a séries e mini-séries da TV italiana, francesa e inglesa. 
Ela voltou ao gênero no papel da "mulher cega" no thriller psicológico "Afraid of the Dark" (Medo de Escuro, 1991) de Mark Peploe, com James Fox e Fanny Ardant. O menino Lucas (Ben Keyworth), com problemas de visão e obcecado por violência, embarca em uma trajetória de fantasias sobre um assassino de mulheres cegas.




Catriona foi a administradora do orfanato que esconde um segredo macabro no drama de terror & fantasia francês "Saint Ange" (A Profecia dos Anjos, 2004) de Pascal Laugier.















Na antologia de terror "The Theatre Bizarre" (2011) de Richard Stanley, Tom Savini (e outros 5 diretores), Catriona vive a personagem principal da história "The Mother of Toads" (de Stanley). Agora não mais uma vítima, ela faz o papel de uma sinistra e libidinosa feiticeira que ameaça um casal nas montanhas geladas da França.






Catriona MacColl é uma das estrelas do recente filme de terror franco-suíço "Chimères" (2013) de Olivier Beguin.





 Uma história moderna de vampirismo que lembra o trabalho de David Cronenberg em "Rabid" e "The Fly" com toques de fantasia trágico-romântica. Após um acidente, Alex (Yannick Rosset) recebe uma transfusão de sangue  e fica infectado por um tipo de doença parasitária que o transforma em um vampiro. MacColl vive Michelle, a mãe de Alex.





Atualmente ela vive no sul da França aonde administra um hotel e participa de um novo filme de horror: "Fever" de Romain Basset. Seja gritando ou tendo que aguentar uma chuva de vermes nos filmes de Lucio Fulci , ou no recente revival de sua carreira no gênero...Catriona MacColl é uma das grandes musas do Horror no cinema mundial!




                                                                                                                                    by Coffin Souza


Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...