sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Yvonne Craig : Muito Mais Que Batgirl!





*Yvonne Craig nasceu em Taylorville, Illinois, em 16 de Maio de 1937. 
Quando adolescente, Yvonne  se mostrou uma promessa como dançarina, e foi aceita no Ballet Russo de Monte Carlo. Seu treinamento progrediu e ela ficou na empresa entre os 16 e os 20 anos de idade. Após desavenças a respeito de cachês, ela se mudou para Los Angeles com a esperança de continuar na dança, mas graças a sua beleza e gostosura, logo foi lançada no cinema.






. Sua primeira ponta foi no drama "Eighteen and Anxious" (1957); e ela teve pequenos papéis em  "Maldosamente Ingênua" (1959) e "O Rei do Ritmo" (1959). Depois disso, sua carreira cinematográfica  andou apenas em solavancos. 
Em 1961, ela apareceu com Cesar Romero no drama de guerra "7 Mulheres no inferno". Romero viria a desempenhar o Coringa na série Batman da TV. 



Outra conexão com Batman aconteceu antes, quando Craig apareceu em "The Case of the Lazy Lover", um episódio de 1958 da série de televisão Perry Mason, que tinha o ator Neil Hamilton como seu padrasto. Hamilton viria a desempenhar o seu pai, o Comissário Gordon, em Batman. 



Como Yvonne era namorada de Elvis Presley na época, ela teve pequenos papeis de apoio nos filmes do Rei do Rock, "Loiras, Morenas e Ruivas" (1963) e "Com Caipira Não se Brinca" (1964). 



Ela atuou nas séries de TV "Os Aquanautas" (1961); "Viagem ao Fundo do Mar" (1964); "Meu Marciano Favorito" (1965); "Os Agentes da U.N.C.L.E." (1965; e nos longas-compilação da série para o cinema "Está Sobrando um Espião" e "Desapareceu um Espião", de 1966); "James West" (1966) e muitas outras.



Em "In Like Flint" (Flint, Perigo Supremo, 1967) de Gordon Douglas, Yvonne viveu Natasha, uma bailarina russa (aproveitando sua experiência passada), ao lado de James Coburn, como o conquistador e debochado Derek Flint - uma ótima sátira/resposta americana a James Bond!



"Mars Needs Women" ( 1967) de Larry Buchanan, é uma ficção científica trash e bem humorada, feita para a TV...


Conta a missão de um grupo de marcianos na Terra, em busca de mulheres para repovoar seu planeta. A missão é pacífica, mas as autoridades do nosso mundo não colaboram. Além disto, Dop (Tommy Kirk), o líder dos marcianos, se apaixona pela bela cientista Doutora Marjorie Bolen (Yvonne Craig), uma especialista em genética espacial...



 Mas sua fama viria com a série cult de televisão "Batman" (1966-1968), na qual ela interpretou a filha do Comissário Gordon, Barbara. Como filha do Comissário, ela tinha acesso a todas as chamadas de problemas que estava ocorrendo em Gotham City, e assim ela atuava com a identidade secreta (e uma insinuante roupa colante) de BATGIRL. Sua personagem, Batgirl, foi parte da temporada 67-68, aparecendo em 26 episódios.


Sua inesquecível Batgirl, simpática, corajosa e sensual, foi um "refresco" feminino na saga da "duvidosa" dupla (casal??) de heróis. A nova heroína deveria dar mais força às histórias da séria já desgastada, bem como um interesse romântico (do lado da lei, já que havia a vilã Mulher Gato) para Batman.





Depois de Batman (1966), ela também apareceu em outros programas de televisão como "Nós e o Fantasma" (1968); "O Rei dos Ladrões"; "Jornada nas Estrelas", (1966-1969, como a sensual e maluca alienígena de Orion, Marta,  no episódio "Whom Gods Destroy", de 1969 ); "Terra de Gigantes" (1970); "Kojak" (1973); "Emergência" (1973); "Holmes e Yo-Yo" (1976) ; "O Homem de Seis Milhões de Dólares" (1977) e "A Ilha da Fantasia" (1983).







 Em 1988, Yvonne se casou com um promotor público, entrou no negócio imobiliário e afastou-se da carreira de atriz.  Em 2008, ela foi eleita uma das 10 mulheres mais sexys da TV pela revista Wizard Magazine. Em 2009, ela retornou a TV, fazendo dublagens na série de animação "Olivia"...















By Coffin Souza





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...