quinta-feira, 5 de abril de 2018

Dana Gillespie: Rock, Horror & Blues

Vocalista (e compositora) de Pop, Folk, Rock & Dama do Blues. Atriz, Modelo sensual e Hammer Girl: Dana Gillespie nasceu em Londres, Inglaterra em 30 de Março de 1949, como Richenda Antoinette de Winterstein Gillespie.  Filha de uma família nobre, sua mãe era prima de Lord Buxton, e seu pai, o Barão de Winterstein Gillespie, da Áustria.




Richenda estudou na mesma escola da futura atriz Joan Collins, e contrariando a expectativa familiar de ir para a faculdade (e depois se casar), ela se tornou uma atleta, campeã júnior de esqui-aquático por quatro anos, até fraturar um joelho em uma prova. Além disto, ela tinha um amigo (e namoradinho) em especial: Um jovem chamado David Bowie, que lhe ensinou os primeiros acordes de guitarra e despertou seu lado musical! 



"Ele (David Bowie) foi o primeiro garoto que eu conheci a ter cabelos tingidos e que não era de classe alta. Mais tarde, gravamos juntos". (IMDB)

Ela inicialmente gravou no gênero folk no começo dos anos 60, adotando o pseudônimo de Dana, já que Richenda não seria muito comercial. Algumas de suas gravações na adolescência caíram na categoria "pop teen", como seu single de 1965 "Thank You Boy", escrito por John Carter e Ken Lewis e produzido por Jimmy Page!                 (Wikimedia Commons)




Dana estreou no cinema em uma ponta na comédia italiana "Fumo di Londra" (O Gentleman, 1966) de/e com Alberto Sordi (estelado também pela futura Scream Queen Fiona Lewis!). Ela apareceu em papel de destaque e cantando e tocando no drama exploitation "Secrets of a Wildmill Girl" (1966)...




Seu rosto bonito com olhos expressivos  e seus maravilhosos peitos chamaram a atenção dos executivos da Hammer Films.  Dana fez uma ponta em "The Vengeance of She" (A Vingança da Deusa, 1968) de Cliff Owen, com Olinka Berova no papel de Ayesha ( na continuação do sucesso "She"/"A Deusa da Cidade Perdida, de 1965, com Ursula Andress)... 






No mesmo ano ela ganhou um papel de destaque na exótica aventura de terror e ficção da Hammer "The Lost Continent" (O Continente Esquecido, 1968) de Michael Carreras, baseado na novela "Uncharted Seas" de Dennis Wheatley...




"Corita", um velho navio com uma carga perigosa escondida e uma variedade de passageiros, encalha em uma parte misteriosa do Mar dos Sargaços. 




O local é cercado por algas gigantes e carnívoras e crustáceos gigantes e assassinos. Também habitam alí, um grupo de descendentes de conquistadores espanhóis, que ainda seguem as leis e ritos da Inquisição, e piratas.






Dana vive Sarah, uma  jovem sobrevivente de um naufágio anterior, que alerta e ajuda a tripulação e passageiros do Corita...  






Ela se destacou cantando e atuando nos palcos , como Maria Madalena, na primeira ( e de grande sucesso!) montagem londrina do musical "Jesus Christ Superstar" (1972) de Andrew Lloyd Webber e Tim Rice; com direção de Jim (The Rock Horror Picture Show) Sharman...







A peça ficou mais de 8 anos am cartaz, e Dana também participou do LP oficial. Durante estas apresentações, ela acabou se reencontrando com David Bowie, agora casado com Angela Bowie, passando a frequentar assiduamente a casa (e segundo alguns, a cama) do casal... 



A amizade entre ambos ficou registrada na participação de Dana fazendo os backing vocals na clássica "It Ain't Easy", do álbum "The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders from Mars" (1973), um dos principais álbuns da história do rock, e ficou ainda mais saliente quando Bowie decidiu produzir o terceiro álbum da carreira de Dana, "Weren't Born a Man", lembrando que o primeiro LP de Dana, "Foolish Seasons", fora lançado no ano de 1967.







Ela foi escalada para viver a soprano austríaca Anna Von Mildenburg, protegida do compositor clássico Gustav Mahler, na cinebiografia "Mahler, Uma Paixão Violenta" (1974) de Ken Russell...



                                Anna (Dana Gillespie) & Gustav Mahler (Robert Powell)

Dana voltou a fazer um papel semelhante ao de "O Continente Esquecido" em "The People That Time Forgot" (Criaturas que o Tempo Esqueceu, 1977) de Kevin Connor...





Sequencia de  " A Terra Que o  Tempo Esqueceu " (The Land That Time Forgot, 1974) de Kevin Connor. Quando o Major Ben McBride (Patrick Wayne) organiza uma expedição à Antártida em busca do amigo Bowen Tyler (Doug McClure), descobre um oásis tropical no gelo, habitado por homens pré-históricos e criaturas aterrorizantes...






A jovem nativa Ajor (Dana) ajuda o grupo a encontrar Tyler, e retornar para a civilização, em uma jornada repleta de perigos...








Em "The Hound of the Barkervilles" (O Cão dos Baskervilles, 1978) de Paul Morrissey, Dana Gillespie viveu a sedutora Mary Frankland...





...nesta paródia ao clássico de Sir Arthur Conan Doyle, com os comediantes Peter Cook (Sherlock Holmes) e Dudley Moore ( Dr. Watson e outros personagens)...

"Bad Timing" (1980) de Nicolas Roeg, é um estranho (mas belo) filme sobre obsessão sexual. O cantor (muito conhecido por sua parceria com Paul Simon) e ator Art Garfunkel, vive um psiquiatra depressivo que tem um tórrido caso com uma bela mulher casada (Theresa Russell)....




...Um filme controvertido e muito censurado na sua [epoca. No elenco: Harvey Keitel, Denholm Elliott, e Dana Gillespie como Amy Miller... 




Nesta época, a vocalista e compositora Dana Gillespie se aproximou do Blues, e passou a fazer parte da banda austríaca Mojo Blues Band, e mais tarde, em sua terra natal, liderando a London Blues Band!



( By Rodw at en.wikipedia - Transferred from en.wikipedia to Commons by User:GDK using CommonsHelper., Public Domain, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=5067634


Cantando, compondo, atuando ou posando...Dana é uma DIVA....








                                                       Dana Gillespie Art by Woody Welch



































Mais sobre a Vocalista e Atriz em seu site: https://www.dana-gillespie.com/

Um comentário:

  1. Quem disse que mulher inglesa não é bonita tai mais uma atriz inglesa ,linda e bonita e que peitões como diria do Vavá ( personagem do Luis Gustavo no "Sai de Baixo " ) eu que juro desconhecia pois á maioria do filmes escritos e com uma breve sinopse e fotos que ela atuou, eu desconhecia mesmo ,pois muita coisa ainda não assisti ,mesmo fomos hoje agraciados com mais uma musa do Cinema Underground ,que alem de ser atriz e cantora e foi amigo do grande David Bowie .Valeu mestre Coffin Souza por mais essa aula de musas do cinema alternativo, um abraço de Anselmo Luiz/Spektro 72.

    P.S - o blog do "Filmes para doidos " voltou só falta o autor dele voltar tambem,hein !?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...